Pedro Serra

Queima de fogos no Morro da Mineira. Foto: Pedro Serra

Pois é… passei o réveillon trabalhando no jornal, mas isso não quer dizer que eu não tenha me divertido. Desde que filmei uma queima de fogos no morro da Mineira, fiquei empolgado para ver o que os caras iam fazer para o réveillon. Então, no dia da virada, peguei a câmera e fui para o terraço de um prédio. O meu palpite estava certo e a festa da virada na favela durou aproximadamente 20 minutos e deixou para trás muitos bairros da Zona Sul, como Ipanema, Lagoa e Flamengo, que nem comemoraram o réveillon (clique para ler o meu post sobre a virada no Rio de Janeiro – ‘Réveillon em Copacabana: fogos, fumaça, briga, tiros e lixo… muito lixo’)

Entre uma explosão e outra, podiam-se ouvir tiros e ver as balas traçantes cruzarem o céu. Eu e o segurança do prédio que me acompanhou (sim, passei o meu réveillon ao lado de um segurança de dois metros de altura enquanto a minha mulher e meu filho curtiam na Barra) ficamos escondidos atrás de uma pilastra com medo de um daqueles tiros vir em nossa direção.

semdestino_mineira2Tentei mostrar o melhor que pude o barulho e os traçantes no vídeo, mas acho que no YouTube perdeu um pouco a qualidade. Mas é só procurar pelos riscos vermelhos. Ahh… e como eu sei que eram tiros e não fogos??? Bom, os fogos estouram quando chegam a uma certa altura, as balas continuam indo, até achar alguma coisa que as pare.Só espero que não tenha sido o corpo de alguém. A diferença do barulho entre tiros e fogos também é fácil de perceber… os tiros são mais agudos.  No final do vídeo, fiz uma colagem só com as balas voando.

Assista ao vídeo –

Vieram me perguntar se eu não tinha medo de represálias por parte dos traficantes. A resposta é não. Primeiro porque a festa podia ser vista de qualquer canto da cidade do lado de lá do Túnel Rebouças. Segundo porque eu não estava filmando os caras vendendo drogas ou matando. Aliás, filmei de longe e nem dá para ver ninguém.

E você, o que achou do vídeo? Clique e deixe o seu comentário.

Quer saber sempre que o blog for atualizado e ser o primeiro a ler as matérias? Clique aqui e assine o RSS feed do Sem Destino.

Anúncios